29 de dez de 2010

Balanço de final de ano.

Eu brinco que quando uma coisa não é muito legal, ela demora para passar ou acabar. 2010 para mim não foi um ano bom. Muito pelo contrário. Mas no final das contas, vendo que faltam poucos dias para ele findar, até que passou rápido!
Foi um ano de descobertas. Descobri um lado não tão glamuroso de algumas pessoas. Pessoas essas que me eram muito próximas, por sinal. Mas também descobri gente que eu julgava de um jeito, e que se mostrou de outro. E um outro lado muito melhor! Gente que se pôs ao meu lado, nos momentos difíceis que passei. Gente maravilhosa que também descobri num local improvável, que é o mundo virtual!
2010 foi um ano de muitos conflitos. Briguei muito! Briguei tanto que em alguns momentos eu fiquei muito cansada! Cansada de gritar, cansada de mostrar o meu lado da história, cansada de ser justa, cansada demais apenas. 2010 foi um ano em que chorei demais! Não sou chorona. Aliás, detesto choro. Acho choro um desperdício. Mania minha, sei lá! Acho até falso quem chora demais! Choro pra mim é moeda rara de troca. Tem que aparecer quando realmente tem necessidade para tal. Mas eu não cumpri, nesse ano, essa minha filosofia. Chorei demais mesmo! Infelizmente, tive motivos para chorar. Queria eu ter chorado desse jeito que detesto tanto: só por fingimento! Porque chorar com motivo verdadeiro, é doloroso demais! 2010 foi um ano que conquistei coisas materiais mas que não curti quase nenhuma delas. Todas elas parecem que vieram com um peso enorme! Uma carga de culpa, de insatisfação, de "tenho isso mas não tenho o principal que é consideração, justiça, amizade...essas coisas". 2010 foi um ano em que mudei meu comportamento de forma radical. Aprendi a dizer não. Fiquei sem medo das coisas e das pessoas. Tomei coragem de me colocar na frente das situações e de colocar minhas ideias na mesa. Por isso sofri demais. Percebi que as pessoas não aceitam mudanças quando essas não lhes favorecem.
2010 foi um ano em que senti na pele o peso da falta de consideração. Enxerguei as pessoas como elas realmente são. E tomei um susto: tais pessoas eram feias pra cacete! Uma feiúra interna sem tamanho! Dessas que servem até para personagens de histórias de terror. 2010 foi um ano em que percebi, várias vezes, que estou literalmente sozinha. Não reclamo disso porque adoro a solidão. Acho-a um porto seguro para muitas coisas. Gosto de ficar só porque assim percebo o que ocorre a minha volta com maior nitidez e clareza! Mas também senti a solidão na sua pior forma de ser: quando você pede ajuda e não a tem. E não ter ajuda de quem você sempre ajudou, fica um gosto amargo de solidão na alma que é difícil demais remover.
2010 foi um ano em que ouvi pragas e xingamentos mil. Nunca fui tão mal falada. Nunca fui tão injustiçada. Nunca tive tanta carga negativa em mim!
Mas tudo que é ruim demais tem que ter algo, ao menos, para tirarmos de lição. A lição que 2010 deixou para mim é não esperar nada de quem nada pode me dar. Ficou a lição de que meus bens mais preciosos são e sempre serão meus filhos. Eles são as únicas pessoas que realmente vale a pena tudo! 2010 serviu para me mostrar o quanto sou forte porque tudo o que passei era pra eu estar, no mínimo,destruída! E me vi como o bambu numa tempestade, que se dobra, se enverga, mas não se quebra nunca! Foi um ano em que percebi o quanto prezo ser justa, mesmo que tal justiça custe a minha saúde e a minha paz emocional! 

Por isso, quero que 2010 encerre logo. 
Sem choro, sem mágoas, sem recordações ruins. 
Só que acabe. 
Fim.
Pin It Now!

22 comentários:

Patricia Daltro disse...

Lola, 2010 foi pesado pra tanta gente, de maneira diferenciada, com dores tão similares. Mas, como tudo que é ruim, rtaz também lições que cabe a gente apreender ou não. Hoje, não enxergo mais 2010 como um ano de dor, mas de mudanças, externas, internas e em todo o redor. Agora é esperar que ele se vá e que 2011 nos traga muitas boas novas!

Marcia disse...

Lola, eu sou uma "escritora"muito restrita, começo a desenvolver uma ideia e acabo sendo economica com as palavras, compacta. Pode ver isso no meu blog, é nitido. Hoje parei diversas vezes na frente do micro tentando colocar exatamente isso no "papel"...Me emocionei, faço minhas suas palavras, cada uma delas... 2010 demorou pra passa, apesar das conquistas não curti quase nada...ou nada. Dificl, dolorido, chorei, me decepcionei.
Mas PASSOU!! ACABOU!
Que 2011 venha para renovar, restaurar! Estou pronta, e vc?
Bjs!

Dori DLua disse...

É, amiga... pra mim o ano voou! Isso pq? Simplesmente pq não tive novidades, não tive aborrecimentos reais, foi tudo praticamente igual... Eu desejo mesmo que 2011 seja MUITO melhor! Pra mim, pra vc e pra todo mundo!
Espero que tudo isso pelo q vc passou esse ano não se repita! QUe seja um ano mais tranquilo e q vc possa aproveitar das coisas q conquistou!
Um beijo e BOAS FESTAS!!

Cinderela Descaída disse...

Querida:
tem um ditado em inglês, que, em nossa língua pátria é muito sem graça que é assim: "what doesn´t kill you, makes you stronger". Em português é, "O que não mata, engorda", que tira muito da força do ditado. Melhor tradução seria: o que não te mata, te fortalece!
Por isso, acredito que enfrentarás o ano de 2011 muito mais forte.
Grande beijo e grande prazer te conhecer!
Tua amiga virtual,

Cinderela

Leticia disse...

Querida Lola,
Escrevi um super comentário e consegui perdê-lo... coisas que só o blogger faz por vc... rs.
Mas resumindo... espero que 2011 seja um ano mais tranquilo pra vc, com mais paz, menos guerra, mais amor e menos briga!
Beijos
lelê

Giuliana: disse...

Lola,

Há momentos de tormenta e há momentos de bonança, nem sempre quando programamos e esperamos, nem sempre nas proporções que gostaríamos. Muitas vezes os fardos pesam tanto que temos a sensação de que iremos desmoronar, mas sempre vem uma mão, de um ser tão grandioso, que sempre está de olho em nós, seja em forma de um amigo, de um abraço, de um ombro, de um ouvido, de um apoio. Pode demorar, aos nossos olhos, claro! Mas sempre vem.

E o bom é que realmente, depois da tempestade vem a bonança e de extra vem sempre lições. São nas lições que temos que nos agarrar, para que as coisas ruins que as geraram, não se torne um lixo a mais no nosso emocional.

Te desejo um 2011 do tamanho que você merece, com toda a grandiosidade, com muita luz e muita paz.

Beijos.

Bell disse...

Lindo post, e desejo que 2010 só te arranque lágrimas de felicidades.

Beijos querida, fica com Deus!!

Helena Garcia disse...

OI, Lola querida !"

Pois é, amiga, esse ano também tive momentos bem difíceis e dolorosos, mas sabe de uma coisa? São as adversidades, as lutas, as decepções e as frustrações que nos fortalecem, que nos fazem crescer e sermos pessoas melhores! É, Lola, temos que aprender a tirar o lado bom de tudo de negativo que nos acontece, senão a gente pira, né?rsrsrsrs

Amiga, quero te desejar um Maravilhoso ano de 2011 cheiiiiinho das bênçãos de Deus na sua vida e da sua família e que nossa amizade possa se fortalecer ainda mais!

Um grande beijo!
Helena
]http://diaadiacorridinho.blogspot.com

Cinderela Descaída disse...

Lola,
quando cheguei em casa da enésima festa do ano, lembrei-me deste trecho de um poema do Quintana, poeta gaúcho e achei que casava demais com o teu post. Por isso, apesar de já ter comentado, atrevi-me a mandar:
Todos estes que aí estão
Atravancando o meu caminho,
Eles passarão…
Eu passarinho!
Beijos

Iara disse...

Amiguinha forte, linda e fofa, 2010 foi tudo isso aí mesmo, dele eu também só quero fim,quanto mais rápido melhor, por mim já podia ter ido até, não me deixará saudades.
Mas tu sabes que não desisto, então que 2011 venha luminoso, com paz, com entendimento nas palavras, porque o pior Lola é falar e não ser entendido, ser julgado pelo comportamento, pela maneira de ser, julgado somente, por pessoas que nem conhecem você, que não são conhecedoras de suas dores, suas angústias, seu intimo.
Sabe Lola, o pior de tudo é quando simplesmente não acreditam em você, então que 2011 traga a ti, a mim, e as pessoas quem acredite nelas, isso é o melhor presente que o novo ano pode trazer.
Desculpe amiga, mas hoje to meio estragada e teu post deu uma liberada nas idéias.
Um 2011 muito feliz pra ti e teus filhotes amados.
Beijos

Mahria disse...

Que ano intenso pra você, intenso negativamente infelizmente.
"O que passou, calou. O que virá, dirá."

E que venha 2011 e torço que seje bem melhor para você, tá?


Bjs
Mah

Grazi disse...

Oi! Muito ruim é quando descobrimos que estamos cercados por lobos vestidos em pele de cordeiro. Acho que esse ano foi meio esquisito pra todo mundo que eu conheço. O menos mal é que podemos tirar lições disso tudo, colocar as coisas na balança e (tentar) separar o joio do trigo...

Obrigada por suas palavras carinhosas no meu blog! Vim aqui também pra retribuir o seu abraço e desejar pra nos um marailhoso (e compensador, pq merecemos) 2011!
Beijo!!

A FADA DAS AGULHAS disse...

Pois é amiga,temos que aprender a tirar de bom as coisas negativas e pensar positivamente.O que passou passou,agora pense que tudo vai ser diferente.
E que depois de toda tempestade vem a bonança.Te desejo um 2011 bem melhor para vc,e torço de verdade,e acredite que vai ser muito bom pois vc merece.
Luz,Paz,Amor...Beijossss!

Simone Souza

Nilce disse...

Minha querida, sei muito bem do que você fala porque também aprendi e com muita dor que só pelos filhos é que vale a pena.

Obrigada pelo teu carinho comigo neste ano e que em 2011 estejamos juntas com mais alegria, paz, sinceridade, muitos risos e sonhos realizados.

Feliz Ano Novo!

Bjs no coração!

Nilce

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

Num ponto foi ruim ver o lado verdadeiro de muitos. Mas ao mesmo tempo, que bom, não há mais máscaras para enganar ninguém, agora já se sabe o barro com o qual se lida.

o ruim, que fique enterrado em 2010, com ele vc não conte mais e nem se importe. vamos em frente em 2011, agregar novas pessoas, de melhor barro, de barro mais parecido com o seu, o que não te serve fica para este ano que se encerra, que cada um encontre os seus semelhantes.

adoro vc, nega. Vc é aloka mais maluca e linda do mundo!
bjs

Ju Ramalho disse...

Bom quem sou eu aqui pra dizer algo???
2009 e 2010 foram dois anos nos quais eu tb briguei com meio mundo, vi o submundo das pessoas invejosas e egoístas que não aceitam outra forma de pensar.
Passei por situações terríveis, enfrentei cirurgias... depois decepções terríveis com gente que eu achava que eram meus amigos...
2009 foi o pior ano de toda a minha existência!! deletei ele completamente!!
Esse aqui não vai ficar saudades tb... foi um pouco menos terrível...
Mas o que valeu foi que aprendi a viver sozinha,cortei vários laços,me recolhi na minha casa e me sinto melhor...
Sabe Lola as pessoas se incomodam muito com quem chama a atenção por vários motivos...afinal prego que se destaca leva martelada não é mesmo?
Que seja 2011 um ano com novas perspectivas e supresas boas enfim pra nós duas! bjks

Andreia Lica disse...

Amiga,

Ano dificil hein...mas ainda bem que apesar de todas as injustiças e coisas ruins que aconteceram, vc aprendeu a ver o mundo com outros olhos, sei que é uma carga pesada, mas as vezes para tranpormos tais aguas é necessario passar por isso, vc aprendeu, da pior forma mais aprendeu... e hoje esta mais forte, e sabe que pode contar só com vc, mas nunca se esqueça que há alguém que sempre olha por vc e esta ao seu lado, mesmo que vc não perceba, nunca perca a fé, a fé em vc e nos seus, a fé na vida e nos pequenos momentos felizes.
E
Mas saiba uma coisa, muitas vezes ao passar por aqui, vc fez com que eu sorrisse, e fez com que eu voltasse e hj já não fico mais sem vir aqui, por isso não desanime, vc é muito valiosa, tem seu dom. E eu não vejo a hora de nos conhecermos.

Que seu 2011 seja de muita luz, muita paz, muito amor e saúde, mas acima de tudo que vc realize todos os seus sonhos.

Bjão

Mara disse...

Querida...
a gente precisa das coisas ruins para valorizar as boas... para ver com clareza... e ficar forte!
Um ótimo 2011 para ti!

beijão

Ana Paula Santiago (inventandocasa.blogspot.com) disse...

KKKK, " mas será o Benedito?", como diz minha avó Darci?
Vim aqui agradecer seu comnt tão emocionante, chorei, viu?
E me deparo com um post, muito a ver comigo, também venho enfrentando anos muito dificéis desde 2009, carga pesada mesmo. Tive tantas decepçõs, gente que jurava que eram amigos, nos viraram as costas, falaram mal. Passamos pela seca do deserto, sem água, sem oásis. Só tive a meu marido, meus filhos e a Deus. Mais nada! Mas me bastou. Sai mais forte. Com mais confiança em mim, no que tenho por dentro, nas minhas convicções. Lola, querida, não há dor que não ensine. E vc, como eu, aprendeu a não esperar nada, de ninguém. Eu só espero em Deus hoje. O nosso pranto nos lavou e limpou os olhos e como vc mesma disse, nos mostrou a verdadeira face de muitos que nos cercavam. Eu desejo a vc, o mesmo que pra mim, um 2011 com vitória, com lágrimas de felicidade e gratidão. Com mais verdade, com surpresas boas.
Coincidência ou não olha o post que acabei de escrever! Já vi que a gente não tem só o São Paulo em comum...rsrsrsrs!
Bjs e vc também foi muito corajosa!

Veronica Kraemer disse...

Lola querida, te conheço faz muito pouco tempo mas gostei de ti de graça!
Não acompanhei todas as suas estórias, mas vejo que sofrestes muito...
Já passei por muitos momentos difíceis, onde achava que nunca mais seria feliz, e foi a partir destes momentos que me redescobri e consegui me transformar.
Então o que te desejo pra 2011 é que você se descubra, que conheça pessoas maravilhosas, que sinta a brisa leve em seu rosto!!!
te adoro, e quero muitoooooooo te conhecer, viu?
Beijossssssssssssss com carinho
Vero

Luci Cardinelli disse...

Meu avô dizia que a melhor professora é a vida, mas é a que cobra mais caro. Algumas pessoas vão aprendendo aos poucos, mas para vc veio muita coisa de uma só vez. Apenas um acontecimento pode nos ensinar lições mil, e feliz dquele que aprende.
2010 foi um bom ano prá você, um ano de aprendizagem. Tenho absoluta certeza que hoje você é uma pessoa melhor do que era 1 ano atrás. E tudo isso vai lhe ajudar a sofrer menos no futuro, a tirar muita coisa de letra.
Você foi uma das boas coisas do meu ano :) lov u
E saiba q nunca mais ficará só, Nunca mais não terá com quem conversar, vou estar sempre aqui, viu? Sem falar nos lindões e lindonas que tb te amam por aqui

sinta-se abraçada e beijada com muito carinho

Karina disse...

Querida Lola, que desabafo hein? Mas saiba que estamos aqui pra isso, pra ouvir vc desabafar, e toda vez que cair, te ajudar a levantar. Nas horas mais difíceis sempre penso que Deus nunca dá a cruz que a gente não possa carregar. Por mais difícil que os problemas tenham sidos, não foram em vão, e felizes são aqueles que passam pelos problemas e conseguem ainda tirar lições de vida, quer dizer que tudo não foi em vão.
Desejo que seu 2011 seje repleto de alegrias, bons momentos ao lado de pessoas amadas, mto sucesso e saúde pra vc e sua família.
A gente se conhece a tão pouco tempo, mas te admiro mto pela mãezona que tu és.
Bjos com carinho,
Karina