21 de mai de 2013

Era uma vez uma cadeira velha...olá cadeira nova!!

Quando me mudei para o apartamento novo, (completou um ano esse mês!!), me desfiz de todos os móveis que eu tinha no apê anterior. Primeiro porque eram móveis de mais de 15 anos de casamento, velhos, quebrados e bem feios. Segundo porque eu queria renovar tudo mesmo e começar uma vida nova na minha tão sonhada casinha! 
Mas sobraram duas cadeiras da minha antiga sala de jantar. Essas eu acabei guardando como "recordação" e por necessidade já que o dinheiro ficou curto pra tudo e faltou cadeira pra acomodar em alguns cantos.
A cadeira já velhinha ainda está bonita. 
 
Quer dizer, sua madeira ainda está bem conservada, polida e com uma cor linda, mas o estofado já tinha dado o que tinha que dar! Sujo, desbotado e com um tecido horroroso! Resolvi renovar então minha cadeira velha e transformá-la numa nova, sem gastar quase nada! Como?? Com grampeador desses grandes e fortes, que grampeiam tecido em madeira! Usei um pedaço de tecido que eu já tinha aqui em casa, mas se fosse comprar, como utilizei 1 metro apenas, gastaria uns R$ 20,00 no máximo!
Encapei o estofado da cadeira velha, sem tirá-lo do lugar. 
 
Claro que para um acabamento perfeito, ele deve ser retirado do encaixe do assento. Mas confesso que tive uma preguiça danada de fazer força. hahahaha Encapei o estofado ultrapassando a madeira e grampeando o tecido todo por baixo mesmo da cadeira. 

 
No final deu certo e ficou bem bacana!
Além disso, renovou a cadeira não é??
Resumo da ópera: uma carfteira e recicladeira TEM QUE TER um grampeador forte para esses serviços extras com móveis em casa!!
Beijos
Pin It Now!

11 comentários:

CamomilaRosaeAlecrim disse...

Menina...parabéns! Ficou nova mesmo! E confesso que adoraria ter o grampeador que faz estes serviços, pois minhas cadeiras do quartinho de costura estão sempre precisando de reforma...acho que eu ia trocar a estampa umas 3 vezes no ano, hehehe!
Adorei a dica e a estampa que vc escolheu de letras, show!
Beijos e um lindo dia!
CamomilaRosa

Marcia Gullo disse...

Ola Ana Beatriz (ainda não me acostumei com isso viu, kkkkk) ficou otima... a estampa é muito bonita....ja pensei em fazer isso aqui em casa varias vezes, mas me falta a grampeador potente e no casa das minha cadeiras elas tem pano no encosto tbem, de um jeito que dificulta tudo.....
adorei!!!!!
Beijinhos

Blog da Gullo

ღღღღ Cici ღღღღ disse...

É outra coisa, né!
E o estofado ainda está perfeito... pq se desfazer, né!
Ficou ótimo, perfeito e novo... parabéns!
Bjns
:)

Cláudia Pinto disse...

Ficou ótimo!

Renova e moderna, adorei o tecido.

Eu tenho este grampeador, só que emprestado, ainda nem devolvi, kkkkkkkkkk, mas é da minha irmã, então tá em casa.


beijos

Adriana Balreira disse...

Adorei a estampa de jornal. E vc foi bem prática mesmo. Nada de desmontar cadeira e fazer força. Dá para sentar e ficou linda!
Esses grampeadores são tudo de bom mesmo. Ainda compro um.
Beijos
Adriana

Sonia Facion disse...

Oeeeeeeeeee.....

Ficou o máximo!!!
Adorei o tecido!!!

Bjks

Sonia

Re Vitrola disse...

Esses grampeadores são utilíssimos, eu tenho aqui em casa e já me salvaram diversas vezes!

Adorei o resultado,esse tecido é lindo e super modernoso... agora dá vontade de trocar sempre, não? hahaha!

Um beijo,

Re Vitrola

Má! disse...

Amiga ficou show essa cadeira ein, adorei essa estampa!
Me conta uma coisa, onde posso encontrar um grampeador bom desses?! sou louca por um!

Bjo Bjo

Luiza Mallmann disse...

A cadeira ficou lindona! Adoro quando se reaproveitam móveis e objetos, dando-lhes mais vida útil! E a cadeira ficou nova, pq a madeira está lindona, né?

Beijos,

Luiza Mallmann
decorarsustentavel.blogspot.com

Kellen Bittencourt disse...

Adorei Lola, esses grampeadores são mágicos qdo fazia teatro na faculdade eles eram essenciais na construção dos cenários, grampeava tudo até tecidos na parede! Estou com umas cadeiras aqui na mesma situação, de repente compensa comprar o grampeador, Gostei! Bjoos

Edimara Iszczuk Almeida Bryk disse...

Lola eu tenho um grampeador de tapeceiro potente e concordo contigo, é imprescindível pra gente que vai na linha do "faça vc mesma" aqui eu que reformo as cadeiras da cozinha, copa e escritório...kk...que economia, né...Adorei o resultado da sua cadeira. Fez muito bem de ter ficado com elas.

bjs
Edi

meuladoarteiro.blogspot.com.br