12 de nov de 2010

Este Blog é contra o Bullying!!!

Este Blog é contra o Bullying!!!


Lendo um dos recentes posts da minha amigona Patrícia Daltro ,cujo conteúdo além de super importante era uma espécie de "chamado" para atentarmos sobre o assunto, o Bullyng. Para isso, Patrícia me ofereceu a oportunidade maravilhosa de divulgar aqui no meu espaço, através desse post, seguindo a sua proposta em seu texto sobre Bullying.
Patrícia divulgou o mesmo selo que a Vanessa do blog Mãe é tudo igual  recebeu com uma proposta do Blog Pediatra Brasil . E também o ofereceu a mim com as seguintes regras:

logoblogcontrabullying


1- Explicar o que é bullying.

O Bullying, termo , segundo o Wikipedia usado para descrever uma forma de assédio interpretado por alguém que está, de alguma forma, em condições de exercer o seu poder sobre alguém ou sobre um grupo mais fraco é, para os brasileiros, novo como nomenclatura mas antigo como prática. O ato de humilhar o outro por não se adaptar aos valores do grupo, por ser diferente em qualquer sentido ou qualquer outro motivo não é novidade para ninguém. Todo já ouvimos falar, vimos acontecer ou fomos vítimas deste tipo de abuso. Aos olhos de alguns, o bullying pode parecer apenas coisa de criança ou de indivíduos bem humorados, que gostam de fazer brincadeiras com seus coleguinhas. A verdade contudo, é que trata-se de um comportamento inaceitável , uma vez que atinge a vítima em seu íntimo e pode trazer consequências sérias.

2. Contar se você já passou por isso ou não.Se sim (e você estiver a vontade) conte sua historia . Caso contrário expresse sua opinião sobre o assunto:

Eu já sofri bullying sim, quando menor, justamente na escola, onde supõe-se a criança estar protegida e longe das agruras da vida! Pois bem, além de ser muito magra quando pequena, também tinha os cabelos bem anelados. Lembro-me como se fosse hoje, que, a hora do recreio para mim, não era um momento de descanso nem de diversão, mas de sofrimento, pois ficava a mercê da criançada que se prostrava na minha frente, impedindo minha passagem, para gritar palavras de ordem como: "Cabelo de poddle!" ou "Bombril, Bombril, Bombril, tudo lava com Bombril! Cabelo de Bombril!" Quando não era o meu cabelo anelado e armado, era meu corpo: "Filé de borboleta!" ou "Olívia Palito!". O mais cômico é que estamos no Brasil, ou seja, país de misturas de raças onde a maioria da população tem o cabelo crespo...vai entender a maldade né?
Hoje sofro muito mais com o bullying que meu filho mais velho sofre na escola. Ele é obeso e não escapa das gozações dos "amigos"!
Penso que enquanto não for discutido esse tema de forma veemente, continuaremos a ver o sofrimento de todos em relação ao mesmo.


3. Divulgar o link do blog que deu início a circulação do selo.

Como eu já falei acima, quanto mais se divulga e fala-se no assunto, mas a violência tende a sumir! Portanto, quem eu não listei aqui, fique à vontade se quiser divulgar a campanha ok? Deixe um recado nos comentários ou no meu twitter para isso! E, quem eu indiquei para receber o selo, fiquem a vontade para aceitá-lo ou não, assim como passar adiante ou não.

Pin It Now!

8 comentários:

Fernanda Reali disse...

Apoiado. Qualquer hora vou postar também! beijooo

Bell disse...

Eu sofri esse mal na adolescência. Mas naquela época (oi? sou tão velha assim?) nem se tratava o assunto como hoje em dia, com esclarecimento e pesquisa de causa.
Lembro que troquei de colégio, e perdi a bolsa de estudos que tinha em um dos melhores colégios da cidade e fui para a escola publica, por não suportar a situação. Minha mãe, coitada, não entendia nada, e eu era (eraaaaaaaaaaaaaaa) muito fechada a timida e por isso nunca me queixei em casa. As marcas ficaram e ficam (lembro de mts humilhações) até hoje, e não desejo isso pra ninguém, fico sempre atenta aos amigos dos meus filhos e situações 'estranhas'. O mais importante é ter uma relação aberta e conversar muito, para que eles tenham confiança e abertura para contar o que acontece na escola. E, pelo que leio, a maioria dos alunos q cometem o bullyng, tem em casa exemplo de pais agressivos, ausentes ou indiferentes!
Belo post, parabéns!

BEIJOS!

Line disse...

Muito bom seu post!

Lilian Britto disse...

Já aderi à campanha ^^
Vc chamou a pessoa certa p esse "servicinho", rs.
Logo mais, post fresquinho lá no blog =*

Andreia Lica disse...

Amiga,

Obrigada por citar, vou postar qualquer hora, mas o selinho ja ta na lateral.
Hj tivemos o encontro...na próxima quero ver vc.

Bjão

Nilce disse...

Assino embaixo querida.
Passei para te desejar um excelente domingo e feriado.

Bjs no coração!

Nilce

Clau Finotti disse...

Oi amiga!

Não esqueci de postar, apenas enroladíssima, como sempre, mas vou postar.

Bjos.

Clau

Anônimo disse...

Simples e doce. Estou pensando em começar um blog ou cinco muito em breve, e eu definitivamente vou considerar este tema. Mantenha-os próximos!